Cross Content recebe premiação do Custom Publishing Council

A Cross Content, empresa especializada em soluções de comunicação organizacional, acaba de receber o prêmio anual Pearl Award, concedido pela Custom Publishing Council – CPC, associação americana que reúne empresas do segmento de publicações customizadas. A companhia, única brasileira associada ao CPC, foi vencedora na categoria Best New Publication – Excellence in Editorial com o livro Situação da Infância Brasileira 2006 – O Direito à Sobrevivência e ao Desenvolvimento, produzido para o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF). A cerimônia de premiação aconteceu em Nova York, Estados Unidos.

A peça ganhadora do Pearl Award também foi produzida em inglês e espanhol e foi lançada em dezembro de 2005. “Nota-se que há um amadurecimento do mercado para projetos como este. Antes, as pessoas entendiam que publicação customizada resumia-se a revistas de estilo e a livros de arte. O que se vê agora é a crescente compreensão de que trabalhos com conteúdo intensivo, como livros-reportagem, atendem de forma efetiva às necessidades de cada cliente”, explica Marcelo Bauer, diretor da Cross Content, que produz desde 2001 livros e relatórios para organizações multilaterais como o UNICEF e Fundo de Desenvolvimento das Nações Unidas para a Mulher (UNIFEM).

O CPC é a entidade mais representativa do setor e reúne aproximadamente 90 produtoras de diversos países. Para a premiação, um júri composto por 30 profissionais de renome no mercado editorial selecionou os ganhadores entre 350 publicações de diversos países. Segundo Bauer, concorrer com empresas internacionais e vencer é um marco em cincos anos de atividades da empresa. “O prêmio vai ao encontro do objetivo da Cross Content de oferecer aos clientes soluções de comunicação com seus diferentes públicos”, afirma o diretor.

Inovação – A Cross Content é especializada em integrar planos de comunicação corporativa às técnicas jornalísticas, com apuração precisa dos dados para produção de textos. Essa nova tendência é sentida pelo mercado de cross media que está em busca de trabalhos diferenciados e exclusivos. Neste cenário o CPC constatou em um estudo realizado no ano passado, que 85% dos pesquisados preferem obter informações sobre empresas de interesse em publicações customizadas, com conteúdo jornalístico, e não em propagandas.

“A Cross Content oferece além de consultoria, pesquisa de temas, reportagem, revisão e fotorreportagem. Em vários projetos, chegamos a realizar mais de 100 entrevistas para obter informações sobre determinado assunto. O objetivo é fazer o que o cliente precisa: conteúdo sob medida”, finaliza Bauer.